etextbooks

Universitários resistem à adoção de eBooks

da Redação Notícias Deixe um comentário

Para se firmar como um meio alternativo de acesso á leitura, o livro digital terá que conquistar um público em especial: os estudantes universitários, que parecem não ser grandes fãs de eBooks didáticos.

Pelo menos esse é o panorama no Canadá. Um estudo divulgado pela Escola de Administração Ted Rogers, da Universidade de Ryerson, mostra que os alunos se sentem mais à vontade e aprendem melhor com o material tradicional, impresso. Os resultados apontam que o aproveitamento nos estudos seria menor caso os estudantes fossem obrigados a usar somente livros digitais.

Os autores da pesquisa entrevistaram 386 estudantes de uma universidade canadense, que passou a utilizar textos em formato digital para dar suporte às aulas. Eles responderam sobre a facilidade (ou dificuldade) de aprendizado, e também foram questionados se trocariam os títulos digitais por papel. E nesse caso, o clamor geral foi “sim”.

Entre os motivos apontados, dificuldade de concentração no estudo, e também dificuldades na adoção da tecnologia: 30,7% dos alunos afirma que a possibilidade de redigir anotações, e grifar o próprio material, é uma vantagem dos livros em papel. Isso também pode ser feito em um leitor simples de PDF ou aplicativos para tablets e smartphones. Uma indicação de que o problema não é o livro digital, por si próprio, mas aquele livro didático digital que é pobre em recursos, simplesmente uma cópia digitalizada do impresso – uma questão problemática para editoras, e que impede a adoção geral do livro digital nas universidades.

Outras razões, como facilidade de “navegação” e possibilidade de ler por mais tempo sem cansar a vista (10,6%) também favorecem o material em papel. O estudo conclui que:

A natureza fluida e dinâmica do conteúdo digital, comparada à natureza mais consistente e previsível da informação em papel parece ser uma barreira para a aquisição de conhecimento para fins de avaliação. Os estudantes percebem os textos em papel como o melhor formato para leituras extensas, estudos e localização de informações.

Com informações do Education News

Questões técnicas e práticas da produção e marketing de ebooks, serão discutidas por especialistas da área na II Conferência Revolução eBook, que acontece dia 05 de novembro de 2014, em São Paulo. Confira aqui mais informações e inscrições.

Para continuar por dentro deste assunto, assine o nosso boletim semanal por email.

da RedaçãoUniversitários resistem à adoção de eBooks

Deixe uma resposta